A EFAI

Quem somos nós?

A EFAI - Escola de Aviação Civil Ltda. é uma empresa baseada na crença de que o nível de Segurança de Voo das aeronaves em geral e dos helicópteros em particular é, significativamente, dependente da formação inicial do piloto. A complementação da formação inicial, utilizando o equipamento adequado e realizando os exercícios de forma que a instrução se aproxime o mais próximo possível das manobras executadas na operação normal e, sempre que praticável, procurando reproduzir, também, as situações anormais ou de emergência que podem ser encontradas em voo é fator preponderante no estabelecimento de condições seguras de operação. A meta da EFAI é aumentar a conscientização dos proprietários e operadores de helicópteros a respeito da ligação existente entre formação inicial, formação avançada e nível de segurança da operação.

O conceito da EFAI difere dos conceitos e serviços de formação de pilotos oferecidos pela maioria absoluta, senão de todas as escolas de pilotagem existentes no país.

A EFAI nasceu dentro de um novo conceito de formação do piloto, visando, principalmente, atender segmentos do mercado que exigem um trabalho em equipe e alto grau de adestramento e disciplina dos pilotos, como é o caso do emprego de helicópteros nas missões de emergências médicas, policiais, nos salvamentos, combates a incêndios e resgates.

Nestas atividades, muitas vezes operando dentro de limites estreitos de segurança, os profissionais trabalham sob intenso grau de estresse e uma boa formação inicial do futuro comandante da aeronave exerce significativa influência durante toda a carreira.


Visão Missão e Valores

1

Visão

Ser a melhor Escola de Aviação em todos os mercados em que se propõe atuar.

2

Missão

Transformar sonhos em realidade, ensinando a voar e a fazer voar.

3

Valores

  • Seriedade
  • Respeito às normas da Aviação Civil
  • Segurança de Voo
  • Respeito ao meio Ambiente
  • Harmonia nas relações internas e externas

Infraestrutura

A base operacional da EFAI, situada em Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte, oferece todos os recursos necessários à formação básica e ao treinamento avançado para Pilotos de Helicóptero. Contamos com uma área de quatro mil e duzentos metros quadrados contendo heliponto homologado diurno e noturno (SNHN), hangaragem e manutenção própria, simulador AATD homologado, abastecimento próprio, salas de aula para cursos teóricos e grounds (treinamento de solo), salas para briefing e debriefing, biblioteca e toda a estrutura administrativa da empresa.



Disponibilizamos Wi-Fi em todas as dependências, além do alojamento a menos de 300 metros da escola.

Voltar ao Topo

Os Dez Mandamentos da EFAI

  • Amarás o teu Helicóptero acima de todas as aeronaves
  • Não usarás teu santo coletivo em vão
  • Pilotarás de uma única maneira
  • Não combinarás comandos
  • Pilotarás por atitude
  • Usarás fricção no cíclico e no coletivo
  • Farás pairado o mais baixo possível
  • Não economizarás potência na decolagem
  • Aproximarás guardando energia
  • Não cobiçarás o Helicóptero do teu próximo

Nossa equipe

Diferentes qualificações, talentos e experiências integram a competência de nossa equipe. A EFAI conta hoje com mais de 60 colaboradores das diversas áreas para oferecer a você qualidade e segurança no processo de formação, além da constante atualização da empresa. Em nosso corpo docente consta facilitadores experiêntes, com especializações, pós-graduações, e principalmente vasta vivência na aviação. Estes profissionais possuem amplo conhecimento e as mais diversas certificações, que não apenas atestam a qualidade de sua formação, como garante o domínio dos conhecimentos necessários para formar pilotos e mecânicos com o padrão de qualidade diferenciado.

Conheça a equipe

"Fiz o treinamento prático de pilotagem na EFAI. Conclui o PPH, PCH e tive a oportunidade de fazer a adaptação de tipo no Esquilo e o Treinamento de Emergências. Para o Treinamento de Emergências eu criei uma expectativa muito grande em relação à pane de hidráulico, visto que é uma manobra considerada difícil pela maioria dos pilotos. Tive oportunidade de realiza-la com diversos procedimentos, inclusive voo a 100kt, diversas aproximações, pouso corrido, giro de 360º nas duas direções, pouso nas quatro proas, quadrado de proa constante e proa variável. Pude perceber que não é nada impossível por um piloto devidamente treinado."

Daniela Lopes,

Consulta ANAC

Habilitação
Aeronavegabilidade
×

Pergunta

×

Depoimento

×